16.07.07

"Preciso de ti. Por nenhuma razão em especial. Apenas por tudo, apenas por nada. Preciso desse sorriso, que se te acende no rosto e me ilumina os dias. Preciso de me encontrar no brilho dos teus olhos faroleiros que me fazem rumar ao cais onde te escondes. Preciso de ti… de deitar a cabeça no teu peito e ouvir o tic tac de um coração que trabalha com a precisão de um relógio suíço. Preciso de te ouvir gemer baixinho o meu nome em doces ecos surdos. Quero adormecer no teu colo e repousar em ti este permanente cansaço. Preciso de ti… porque a minha alma já não me pertence, abandonou-me e habita descaradamente na tua. Preciso que abandones todos os medos e dúvidas e que te deites ao meu lado, que me abraces de forma carinhosa e protectora. E amanhã, quando eu acordar… preciso que estejas exactamente no mesmo sítio."

in http://aspalavrasnuncatedirei.blogs.sapo.pt/

publicado por hanna às 17:35

28.06.07

Ontem não foste.Não apareces-te!!Compreendo-te.Ou melhor tento compreender.Mas a porcaria das reticências matam-me pá!!Nunca suportei estórias mal contadas ou mal acabadas ou ainda sem finais felizes.E começa-me a parecer que a nossa vai estar numa destas três categorias.A minha vontade é ligar-te,quase que suplicar um café ou o que quer que seja e esclarecer as coisas.Quero ver se consegues dizer-me olhos nos olhos que namoras ou que estás arrependido do que se passou entre nós.A serio que quero!Ontem alguém disse sobre ti:"Oh ele?ele não sabe o que quer!!".É verdade não sabes quem és nem o queres.Tens todos os defeitos e mais alguns.Mas mesmo assim para mim és quase perfeito.Aos anos que és perfeito H.Apesar de todas as dúvidas,de todas as nossas brigas e de todos os meus ciúmes,apesar das tuas conversas de chacha,apesar da tua agenda ocupada(porque é que queres fazer e ser tudo na vida??).O certo é que nem sei ao certo (o certo é que não sei ao certo?) porque sinto isto por ti.Mas sinto.E não sei bem classificar o que é.Reapareces-te na altura errada.Complicas-te tudo.A minha cabeça ficou uma confusão.Baralhas-te o passado e o presente."o outro" mantinha-me ocupada,distraia-me,fazia-me rir.O outro ainda é mais errado do que tu mas é especial.Tanto como tu...não!tu és mais.Mas ele é mais real que tu,está mais presente.Só apareces de vez em quando,ás vezes passo meses sem te ver."longe da vista longe do coração".Não consigo afastar o "outro" nem dizer-lhe que não.E tu não ajudas nada.Ontem a noite estava fria e eu estava gelada.E o concerto nem foi nada de especial.E estava vento.Muito vento.Os papeis voavam e a minha vontade de ali estar não era muita.E o palco era pequeno mas ainda assim achei que havia  lugar para ti.E o autocarro nem ia muito cheio por isso dava bem para conversar.Mas tu não foste!!E Eu?Eu estou irritada!!!

 

 

Discurso directo.Nem sei bem porquê!Não me lês(nem o blog nem a alma).E se por um acaso leres vais jurar nunca o ter feito.Já te conheço tão bem que até doi.

publicado por hanna às 14:52

19.06.07

 

 


 

 

 

 

  

 


 

 

02/06/2007

 


publicado por hanna às 22:19

"Não sei por onde começar. Não sei por onde começar quando sinto que tudo acabou. Dói-me perceber que ainda me dóis tanto. Por que razão colocamos fasquias nas expectativas? Não sei o que escrever. Parece que as palavras se esvaíram. Quando te partilhas comigo, recupero-te por quanto tempo? Não é justo esperar tanto de ti. Não tenho ciúmes, quero-te feliz. Mas dói-me que me esqueças. Não sei explicar. Nunca consigo explicar. E não sei por onde começar. Já escrevi seis linhas e ainda nem comecei. O melhor é nem tentar explicar por que me dóis. Porque me dóis."

 in http://ferrodepassar.blogs.sapo.pt/

publicado por hanna às 19:58

17.06.07
"Terça-feira, 26 de Dezembro de 2006
No msn

E aqui está.Na integra.Helder.Antigo(grande) amor.

Pensava que que a amizade nunca voltaria.

Mas voltou...e as nossas tardes de conversa no msn dão nisto.Divagações.

 

Hanna:Continuo á espera das tuas palvras no meu blog...

Helder:dá-me tempo...EStica-o

Hanna:estica-lo?tás maluco???

Hanna:faz mas é ele voltara para trás...

Hanna:4 semanas

Hanna:E algumas horas

Hanna:Fazes??

Helder:Isso é facil

Helder:sabes como se faz?

Hanna:Como?

Helder:Recorda-lo.Pk as boas recordações são optimas

Helder:E faz-nos esquecer dos males do presente..."

 

Estava perdido aqui algures no blog.Nessa altura tinha deixado o franscisco...ainda nem um ano passou e já me parecem decadas...enfim...

 

"

Recorda-lo.Pk as boas recordações são optimas

E faz-nos esquecer dos males do presente..

"

Irónico,não é?

(podes até tentar,podes dizer que eu não te sirvo,podes dizer que neste momento tu não me fazias bem,podes até colocar mil protecções,inventar namoros,escrever frases no msn,dizer que não ou que sim,que talvez e mais ou menos.podes e podemos discutir,tentar não lembrar  nem pensar,podes pensar que foi um erro,posso pensar que me usas-te e usas.Mas aqueles beijos significaram  algo,não foi?pergunta retórica)

publicado por hanna às 01:19

13.06.07

      (0:50) hanna:       responde...do que que tens medo?

      (0:50) hElDeR:       de me prender

 

Comentário?

"What goes around, goes around, goes around, don't go
away, back around"

publicado por hanna às 23:49

11.06.07

(não esqueço)

 

 

 

(Foto de Christy Power)

 

 

publicado por hanna às 00:29

05.06.07

              "(0:48) Ele:           n tenho nada a dizer

              (0:48) Ele:           so...

              (0:48) Ele:           ( dscklp )

              (0:49) Eu:           não consigo"

 

 

 

(0:19)Ele:deixa passar mais o tempo necessaio para nos vermos otra vez

          (0:19) Ele:           dps vemos

          (0:19) Eu:           ...

          (0:19) Eu:           (não sei que te diga)

            (0:19) Ele:           deixa o tempo correr

            (0:20)Ele:           a unica coisa q eu tenho receio é de me aficionar demasiado a ti

          (0:20) Eu:           ...

          (0:21) Eu:           se é o queres

       

 

  (0:21) Eu:           (não me faças isso)

 

publicado por hanna às 00:28

02.04.07

O que fica por dizer ás vezes são muito mais que palavras.Sabes faltam-nos memórias.Faltam-me aliás.Faltam beijos.Idas ao cinema.Zangas.Pazes.Flores.Mãos dadas.Passeios de mãos dadas.Isto fico por fazer.O passado fica no lugar dele.Já não volta.esta enterrado algures entre a desilusão e a dor.A minha inocência não volta.A minha entrega desmedida,o dar tudo recebendo apenas um "talvez".As tuas migalhas de compaixão misturada com amizade.E o meu oceano de afecto.Acho que já te disse que não se pode amar por dois.Eu tentei.Mas acabei envenenada com tanto cinismo.E quando voltei do abismo para onde me empurras-te senti-me vazia.sinto.

publicado por hanna às 22:13

26.02.07

Orgulho.

Sim muito orgulho.

A minha amiga com aquele traje negro,com a capa tambem negra em que se podia ler"finalistas 2007",com fitas verdes.A benção das fitas.lágrimas e mais lágrimas.Foi lindo.foi no ultimo sábado.Foi lindo vânia.Vai ficar na mémoria durante muito tempo amiga.

És mais.És maior.Conseguiste..

publicado por hanna às 20:29

Continuando a derreter o gelo...
mais sobre mim
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


arquivos
2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
blogs SAPO